Turismo Consciente do Litoral de São Paulo = Blog Caiçara!.............Caiçara Expedições Agência de Viagens e Turismo...........Receptivo Baixada Santista - Litoral de São Paulo....Seja Bem Vindo!

..:: Pesquisa Blog Caiçara ::..

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Personalidades: Benedicto Calixto


Benedicto Calixto de Jesus, um dos maiores pintores de nossa história, nasceu em 1853, na cidade de Itanhaém. Foi autodidata e desde menino, revelou decidida vocação para a arte. Aos 18 anos, expunha em São Paulo seus primeiros quadros no Salão Nobre do jornal Correio Paulistano, com sucesso de crítica.

Muda-se, então, para Santos onde executa pinturas na decoração do Teatro Guarani. Consagrado por essa obra, recebe o convite para estudar na Europa. Em 1883, parte para Paris e freqüenta o atelier de Jean François Raffaelli e depois, a Academia Julien.
Retornando da Europa, reside em Santos e posteriormente, na Capital. Em 1894, volta ao litoral, para a cidade de São Vicente, onde monta atelier e produz obras de inspiração religiosa e histórica, paisagens, marinhas e cenas de costumes. Além da arte, foi amante da ciência e da história.

Foi autor de numerosa obra literária. Professor emérito de diversos pintores, em 1924, foi agraciado por Sua Santidade, o Papa Pio XI, com a Ordem da Cruz de São Silvestre, em gratidão pelo conjunto de sua obra pictórica de caráter religioso. Benedicto Calixto faleceu em São Paulo, em 1927. Obras de sua autoria encontram-se em todos os principais museus brasileiros. Importância de Calixto no cenário estadual.

As pinturas de Calixto são testemunho de um momento de transição – a passagem do século XIX ao XX, quando no Estado de São Paulo, tem início o processo de modernização, gerador de transformações radicais nas cidades, no campo e no litoral.

Calixto consegue documentar a mudança de uma paisagem de traços coloniais, derivada de uma economia essencialmente agrícola, para uma maior concentração urbana, fruto da industrialização nascente.

Considerado “pintor-historiador” ou “historiador-pintor”, sabiamente interpretava os assuntos perante documentos criteriosamente estudados e em harmonia com o local e a paisagem.
Além da obra pictórica, publicou estudos e ensaios históricos entre os quais:


“Capitanias Paulistas” (1895);
“A Vila de Itanhaém” (1895);
“Relíquias de São Vicente”;
“Bartolomeu de Gusmão e seu tempo”;
“Os Primitivos Índios de Nosso Litoral” (1905);
“A Fortaleza de Santa Catarina” (1908);
“A Vila de Santo André da Borda do Campo” (1908-10);
“A Igreja e o Convento de Itanhaém” (1915);
“Costumes de minha terra”.

Benedicto Calixto procurou sempre traduzir, em suas obras, paisagens e fatos históricos ocorridos durante sua existência, ou antes dela. De acordo com a pesquisadora Maria Alice Milliet de Oliveira, “sua precisão no registro de traços arquitetônicos, panorâmicas das cidades e arredores, marinhas, nos levam ao passado, revelando paisagens hoje quase irreconhecíveis.”

Fonte.: Pinacoteca Benedicto Calixto

Você gostaria de conhecer ao vivo, obras de Benedicto Calixto - entre em contato com a Caiçara Expedições.
Comentários
1 Comentários

1 comentários:

  1. ESTOU FAZENDO MINHA MONOGRAFIA DA VIDA DE BENEDITO CALIXTO, COM ENFASE NA IGREJA DE CATANDUVA (sp), SE VOCES TIVEREM ALGUMA ESCRITA OU FOTOS OU PORQUE ELE FEZ AS PINTURAS DAS TELAS DA IGREJA MATRIZ DE SAO DOMINGOS ME MANDEM. MEU IMAIL É : margo.margareth@yahoo.com.br
    ESTOU NO ULTIMO SEMESTRE DE ARTE.
    OBRIGADO.........

    ResponderExcluir

A Caiçara Expedições agradece sua participação!
obs: Os comentários são moderados.

Mantenha contato! Muita Luz ...

..:: Google Analytics ::..