Turismo Consciente do Litoral de São Paulo = Blog Caiçara!.............Caiçara Expedições Agência de Viagens e Turismo...........Receptivo Baixada Santista - Litoral de São Paulo....Seja Bem Vindo!

..:: Pesquisa Blog Caiçara ::..

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Papo de Biologia: ANTA (Tapirus terrestris)


Características - é o maior mamífero terrestre da fauna brasileira. Pode atingir até 2,0 m de comprimento e mais de 1,0 m de altura, chegando a pesar 300 Kg. O macho, geralmente, é menor do que a fêmea. Pode viver 35 anos. Possui uma pequena tromba móvel na ponta do focinho e uma cauda curta, além de 04 unhas nas patas dianteiras e 03 nas traseiras. O jovem apresenta listras e manchas claras e coloração parda avermelhada. À medida que envelhece, sua coloração vai ficando marrom escura e uniforme pelo corpo. Sua visão é fraca, mas a audição e o olfato são muito apurados. Seus meios de percepção, baseiam-se em odores e sinais acústicos. S ão animais muito fortes. 

Habitat - matas de galeria, florestas, pantanal e cerrado. 

Ocorrência - toda a América do Sul a leste da Cordilheira dos Andes. 

Hábitos - é animal de hábitos noturnos. Durante o dia, a anta fica escondida na floresta. À noite, deixa o esconderijo para pastar. Suas pegadas, difíceis de serem confundidas, podem ser vistas logo ao amanhecer  nas trilhas abertas na floresta, nas margens dos rios e até no fundo das lagoas. Nada muito bem e procura a água para fugir de seus predadores ou livrar-se de parasitas como os carrapatos e moscas. Vive em ambientes úmidos e estabelece seu território sempre próximo da água. Animais de hábitos solitários, são encontrados acompanhados apenas durante a época de acasalamento ou durante a amamentação. Os machos urinam regularmente nos mesmos locais, talvez para mostrar aos outros indivíduos da mesma espécie sua presença no local. A anta possui glândulas faciais usadas para deixar rastro de cheiro. Quando surpreendida ou ameaçada, ela mergulha na água ou se esconde entre arbustos fechados. É capaz de galopar, derrubando pequenas árvores e arbustos, fazendo muito barulho, além de nadar e escalar terrenos íngremes muito bem. Entre as vocalizações emitidas pela anta, incluem-se o guincho estridente, usado para demonstrar medo, dor e apaziguamento; o estalido que pode ser usado para identificar indivíduos da mesma espécie e o bufo que significa agressão. 

Alimentação - frutas silvestres, raízes, algumas sementes, folhas novas, caules, brotos, pequenos ramos, grama, plantas aquáticas, cascas de árvores, organismos aquáticos e pastam inclusive sobre plantações de cana, melão, cacau, arroz e milho. 

Reprodução - a gestação dura entre 390 e 400 dias, nascendo apenas um filhote pesando em torno de 4 Kg, com o pelo cheio de manchas e riscas brancas. Durante o acasalamento, os machos atraem as fêmeas com assobios estridentes. A cópula pode ocorrer tanto dentro quanto fora da água. O casal se separa após isso. O filhote é amamentado até quando a mãe estiver lactando. Em um ano e meio já está crescido e com a aparência dos adultos. 

Predadores naturais - a onça é o seu principal inimigo natural. Ainda entre os predadores estão o homem e a sucuri. 

Ameaças - população está aos poucos diminuindo, devido à caça predatória e à destruição de seu ambiente natural.

Fonte..:: VivaTerra

(planeta animal, papo de biologia)





Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Caiçara Expedições agradece sua participação!
obs: Os comentários são moderados.

Mantenha contato! Muita Luz>>>

Prêmio Top Blog 2013/2014

Prêmio Top Blog 2013/2014
1º lugar "Oscar dos Blogs Brasileiros" na categoria Viagem e Turismo Profissional, pelo voto popular.

..:: Últimos Posts ::..

..:: O nós é feito de eus ::..

..:: Feito com Muito Carinho ::..

..:: Feito com Muito Carinho ::..