Turismo Consciente na
Costa da Mata Atlântica
(Baixada Santista)
BLOG CAIÇARA

Tradutor:

terça-feira, 10 de novembro de 2020

Avaliando as Contribuições da Natureza para as Pessoas

Reconhecer a cultura e diversas fontes de conhecimento pode melhorar as avaliações

Não importa se você mora em uma grande metrópole, no litoral ou na zona rural, a natureza é imprescindível para seu bem-estar! A natureza fornece ao ser humano desde elementos básicos para a vida (água, alimento, energia, ar puro) até oportunidades para recreação, inspiração e benefícios psicológicos e espirituais. No jargão científico, esses são os serviços ecossistêmicos, também conhecidos mais recentemente como “contribuições da natureza para as pessoas”.

Debater e tomar decisões acerca da sustentabilidade do meio ambiente pressupõe uma grande negociação e compartilhamento de valores da natureza. Conflitos emergem quando decisões sobre um determinado recurso tem valor distinto para os grupos envolvidos. Este tema, é particularmente importante, delicado e fundamental quando se pretende construir um conjunto de decisões que sejam equitativas e efetivas.

Um momento importante na difusão do termo serviços ecossistêmicos ocorreu em 2005, com a publicação do relatório da Avaliação Ecossistêmica do Milênio (Millenium Ecosystem Assessment), encomendada pela ONU. O programa avaliou os impactos do ser humano no meio ambiente e focou nos ecossistemas, na depredação dos recursos naturais e em formas de conservação e uso sustentável da natureza.

 

Em um esforço de congregar estas diferentes visões de mundo, a Plataforma Intergovernamental de Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos (IPBES) lançou uma proposta (2013) de englobar todos estes sentidos dentro de um conceito único e que buscasse ser o mais inclusivo e plural possível: Contribuições da Natureza para as Pessoas (Nature’s Contribution to People).

Um dos elementos-chave mais recentes de a estrutura conceitual do IPBES é a Noção das Contribuições da Natureza para as Pessoas (NCP), que se baseia no serviço do ecossistema conceito popularizado pelo Millennium.

Cabem na Noção das Contribuições da Natureza para as Pessoas (NCP) tanto as perspectivas utilitaristas, como a produção de alimentos, quanto as perspectivas sagradas (rituais culturais), como aquelas que entendem a Terra como um ser vivo venerável. Inclui-se igualmente neste conceito possíveis aspectos negativos e positivos.



Fonte: Proposta sintética da Avaliação Ecossistêmica do Milênio (2005).

 

A expressão “valor” pode ter inúmeros sentidos, tais como monetário, visão de mundo, contexto cultural, preferências pessoais, importância, entre outros. Dialogar dentre tantos significados não é uma tarefa fácil especialmente quando se pretende equacionar questões relacionadas aos usos de recursos naturais perante inúmeros países, povos e culturas em escala global.

É importante ressaltar que na prática, as formas como os valores são compreendidos, reconhecidos e abordados são complexas e têm impacto nas decisões que podem afetar os resultados das negociações sobre a conservação e uso sustentável da biodiversidade.

Marco conceitual IPBES. Fonte: BPBES-Diagnóstico brasileiro de biodiversidade e serviços ecossistêmicos (2019).

 Captar os diferentes valores que as pessoas atribuem à natureza e incluir este elemento no debate sobre a sustentabilidades dos recursos naturais é um desafio e um avanço na busca de um diálogo mais equitativo, eficiente e pautado pela não dominância de uma visão de mundo sobre as demais.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Caiçara Expedições agradece sua participação!
obs: Os comentários são moderados.

Mantenha contato! Muita Luz ...

Blog Caiçara é Vencedor do Prêmio Top Blog

Blog Caiçara é Vencedor do Prêmio Top Blog
BLOG CAIÇARA é o VENCEDOR do PRÊMIO TOP BLOG (2013/2014). Categoria: VIAGENS E TURISMO.