Turismo Consciente na
Costa da Mata Atlântica
(Baixada Santista)
BLOG CAIÇARA

Tradutor:

quarta-feira, 18 de março de 2020

WTTC Pede Medidas Urgentes aos Governos para Salvar o Turismo - Coronavírus

Numa carta aberta assinada pela sua presidente, Gloria Guevara, o World Travel & Toursm Council (WTTC), afirma que, face à pandemia do novo coronavírus, o turismo está agora a “lutar pela sua sobrevivência” e que 50 milhões de empregos se podem perder em todo o mudo. Por isso pede aos governos que tomem medidas drásticas para preservar o sector das viagens e turismo.



“Ninguém pode duvidar que estamos em território desconhecido”, lê-se na carta aberta em que o WTTC classifica a pandemia do novo coronavírus como a maior ameaça sofrida pelo mundo em tempo de paz. Deixando claro que o sector das viagens e turismo está completamente exposto a este risco e que há 50 milhões de empregos em risco em todo o mundo, a organização mundial deixa um alerta: “O turismo está em uma luta pela sobrevivência”.

Com os números do WTTC a mostrarem que a indústria das viagens e turismo contribui com “10,4% do PIB global e 320 milhões de empregos” é “responsável por criar um em cinco novos empregos” e o seu crescimento ultrapassou o da economia global ao longo de oito anos consecutivos, o WTTC assegura que “sem viagens e turismo, as economias de todo o mundo estão ameaçadas”.

Para fazer face a esta situação, o WTTC “pede aos governos de todos os países que tomem medidas imediatas para ajudar a garantir a sobrevivência deste sector”, porque “qualquer atraso custará milhões de empregos e danos quase incalculáveis em todo o mundo”.

“Agora é a hora de agir” exorta o Conselho Mundial de Viagens e Turismo que propõe “3 medidas vitais” para proteger o sector e, através dele, assegurar a sobrevivência de milhões de pessoas que dele dependem em todo o mundo.

A primeira medida passa por conceder ajuda financeira para proteger os rendimentos dos milhões de trabalhadores do sector que estão já a enfrentar graves dificuldades económicas. Em segundo lugar, assinala o WTTC, os governos devem criar linhas de crédito “ilimitadas e sem juros” para as empresas da área das viagens e turismo, desde as empresas globais às mais pequenas, de forma a impedir que entrem em colapso. Por último, exorta os governos a suspenderem “pelo menos nos próximos 12 meses”, todos os impostos e taxas sobre as empresas do sector,

Afirmando que as empresas “estão a fazer a sua parte para proteger os seus empregados”, o WTTC afirma estar afora a “pedir ao mundo que tome medidas urgentes e imediatas para impedir que esta crise de saúde global se torne uma catástrofe económica mundial”.

“Não fazer nada não é uma opção” porque “o sector está já a enfrentar o colapso” assegura o WTTC que termina a sua carta aberta com um veemente apelo: “Imploramos a cada governo que tome agora medidas drásticas e decisivas para preservar e proteger a contribuição do sector de viagens e turismo” de que “dependem 320 milhões de pessoas e suas famílias, em todo o mundo”.

Fonte..:: Turisver




Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Caiçara Expedições agradece sua participação!
obs: Os comentários são moderados.

Mantenha contato! Muita Luz ...

Blog Caiçara é Vencedor do Prêmio Top Blog

Blog Caiçara é Vencedor do Prêmio Top Blog
BLOG CAIÇARA é o VENCEDOR do PRÊMIO TOP BLOG (2013/2014). Categoria: VIAGENS E TURISMO.