Turismo Consciente na
Costa da Mata Atlântica
(Baixada Santista)
BLOG CAIÇARA

Tradutor:

terça-feira, 27 de agosto de 2019

SELO METROPOLITANO para o Turismo na Baixada Santista: Devolutiva PPA 2020-2013 Estado de SP - Programa 5002 - Estruturação e Promoção Turística do Estado de São Paulo.




Devolutiva PPA 2020-2013 Estado de SP - Programa 5002 - Estruturação e Promoção Turística do Estado de São Paulo.

O Trabalho incansável pelo Turismo Regional Continua

Selo Metropolitano para o Turismo na Baixada Santista (POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O CIRCUITO TURÍSTICO E CIRCULAÇÃO DE VEÍCULOS DE TURISMO NA BAIXADA SANTISTA)

O Selo Metropolitano Litoral Paulista consiste na autorização para livre entrada e circulação intra-regional de ônibus e micro-ônibus pelas cidades da Baixada Santista (Litoral Paulista) em viagens de um dia ou viagens com pernoite. Este projeto de Selo Metropolitano está em processo de estruturação e será emitido exclusivamente para agências de viagem em uma plataforma online e que o mesmo isente as taxas para entrada nas cidades do litoral.

Saiba Mais sobre o Assunto AQUI 

PROPOSTA
POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O CIRCUITO TURÍSTICO E CIRCULAÇÃO DE VEÍCULOS DE TURISMO NA BAIXADA SANTISTA 

Por..:: Renato Marchesini 

Este trabalho visa desenvolver o circuito metropolitano de turismo da Baixada Santista, possibilitando a integração dos municípios, levando em consideração a importância do turismo para região de forma direta e indireta e as vantagens competitivas resultantes da ação conjunta de livre circulação de veículos de turismo para as agências de viagens e turismo de receptivo regional. Para grupos organizados que hoje desejam visitar alguma cidade da Baixada Santista, seja de van, micro-ônibus e/ou ônibus é uma verdadeira jornada conseguir tais autorizações de circulação, sendo muitas vezes até inviável devido às taxas cobradas. Algo que desestimula, e faz com que o visitante opte por realizar passeios e movimentar a economia em outros locais. O objetivo deste trabalho é a criação de uma Lei ou Termo de Cooperação entre as cidades que compõem a Região Metropolitana da Baixada Santista – como um Selo Metropolitano, e/ou Certificado que estabeleça a livre circulação (sem taxas e burocracias) para as Agências de Viagens e Turismo Receptivo Regional, potencializando, desta forma, os fatores de integração dos municípios de modo que possamos desenvolver e organizar o circuito metropolitano de turismo. 

EXPLICAÇÃO DA PROPOSTA
Este trabalho visou analisar a situação atual e o potencial de desenvolvimento do circuito metropolitano de turismo da Baixada Santista, possibilitando a integração dos municípios, levando em consideração a importância do turismo para região de forma direta e indireta e as vantagens competitivas resultantes da ação conjunta de livre circulação de veículos de turismo para as agências de viagens e turismo de receptivo regional. É o momento dos municípios da Baixada Santista "descobrirem" que promover e movimentar o turismo é a maneira eficaz de distribuir renda e incentivar o desenvolvimento e posicionar-se como Circuito Turístico. É preciso incentivar o turismo como fator de afirmação 14 dos valores ecológicos, culturais e históricos, tendo as agências de viagens e turismo receptivo regional como carro chefe desta transformação e operação destes roteiros. Observar a legislação federal, definir clara e seriamente uma política de turismo, suas diretrizes e ações e não mais restringir ou oferecer estruturas inadequadas para o recebimento de excursionistas, são ações ideais a ser executadas pelo poder público, uma vez que o direito de ir e vir é constitucional e cabe às municipalidades respeitarem-no. A implantação de um sistema on-line de livre circulação das agências de viagens e turismo receptivo regionais se apresenta como ferramenta adequada para o fomento do turismo regional, integrando assim de fato as cidades da Baixada Santista em um circuito turístico. Cabe romper a barreira de regras individuais e focar na gestão do turismo metropolitano, democratizar o turismo e assim, desenvolver mais o setor, melhorar a competitividade dos destinos, gerando melhores serviços e produtos, resultando em lucros, geração de emprego e renda, e acima de tudo, inclusão e satisfação. Com a revogação das leis individuais dos municípios e a substituição por uma lei metropolitana (regional), se tornará possível responder às novas exigências e transformações, e a acompanhar essa evolução do fomento do circuito turístico através das agências de viagens e turismo regional. Esse é um grande desafio e vencê-lo é propiciar o desenvolvimento da Baixada Santista através do Circuito Turístico 

Trabalho Completo..:: AQUI



Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Caiçara Expedições agradece sua participação!
obs: Os comentários são moderados.

Mantenha contato! Muita Luz ...

Blog Caiçara é Vencedor do Prêmio Top Blog

Blog Caiçara é Vencedor do Prêmio Top Blog
BLOG CAIÇARA é o VENCEDOR do PRÊMIO TOP BLOG (2013/2014). Categoria: VIAGENS E TURISMO.