Turismo Consciente do Litoral de São Paulo = Blog Caiçara!.............Caiçara Expedições Agência de Viagens e Turismo...........Receptivo Baixada Santista - Litoral de São Paulo....Seja Bem Vindo!

..:: Pesquisa Blog Caiçara ::..

quarta-feira, 27 de maio de 2015

“PELA VALORIZAÇÃO DO TRABALHO DE QUEM CUIDA DAS UNIDADES DE CONSERVAÇÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO”

Quem nunca passou, ou ouvir falar, da Juréia ou de Parques como Serra do Mar, Ilhabela, Ilha do Cardoso, Cantareira, Pico do Jaraguá, Morro do Diabo, PETAR, entre tantos outros? Essas áreas destacam-se por sua beleza cênica, mas sua importância vai muito além da exuberância na paisagem.

94 UNIDADES DE CONSERVAÇÃO - MAIS DE 4 MILHÕES DE HECTARES - 18% DO TERRITÓRIO PAULISTA

A conservação destas áreas é vital para a qualidade de vida de toda a população paulista, pois elas são responsáveis pelos chamados serviços ambientais - regulação do clima, produção e qualidade da água, ciclagem de nutrientes, manutenção da biodiversidade, entre outros - além de garantir a preservação de modos de vida tradicionais compatíveis com a conservação ambiental.

60% DO VOLUME DE ÁGUA SUPERFICIAL OUTORGADA PARA O ABASTECIMENTO PÚBLICO NO ESTADO PROVÉM DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO

O trabalho de conservação dessas áreas é realizado pelo corpo de funcionários permanentes da Fundação Florestal que, apesar da sua grande importância, é pouco (ou nada) valorizado pela Instituição e pelo Governo do Estado, como procuramos demonstrar abaixo:

1 FUNCIONÁRIO PARA CADA 13 MIL HECTARES

A necessidade de novos concursos é imediata. Somos, aproximadamente, 300 funcionários concursados, distribuídos entre funções técnicas, administrativas e operacionais. Essa situação abre espaço para complementação de quadro com funcionários em cargos comissionados, que muitas vezes são indicações políticas, sem nenhuma qualificação técnica.

GUARDAS-PARQUE (R$ 724,00) GANHANDO MENOS QUE ESTAGIÁRIOS (R$ 888,00)

Os poucos funcionários permanentes da Instituição que trabalham arduamente em prol da conservação ambiental sofrem com salários extremamente defasados e sem um plano de cargos, carreiras e salários implantado, desmotivando o corpo funcional e prejudicando o funcionamento da instituição.

DENTISTAS QUE OCUPARAM FUNÇÕES DE CHEFES DE UNIDADES

Os cargos de chefia das unidades de conservação, função de vital importância para proteção dessas áreas, e para a conscientização da população do seu entorno, são ocupados sem critérios técnicos objetivos (públicos, transparentes e responsáveis).

AJUDE OS FUNCIONÁRIOS DA FUNDAÇÃO FLORESTAL NA LUTA POR CONDIÇÕES DE TRABALHO E SALÁRIO DIGNOS.

Assim, estando o Estado de São Paulo passando pela maior crise hídrica da sua história, que ameaça o abastecimento da população, convidamos todos a participarem deste movimento pela valorização do trabalho realizado pelo corpo de funcionários da Fundação Florestal, o que somente se dará por meio de um reajuste do piso salarial de todas as funções, implantação de plano de cargos e salários, realização de novos concursos públicos e regras claras e técnicas para ocupação dos cargos de chefias de Unidades de Conservação, preferencialmente para funcionários concursados.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Caiçara Expedições agradece sua participação!
obs: Os comentários são moderados.

Mantenha contato! Muita Luz>>>

Prêmio Top Blog 2013/2014

Prêmio Top Blog 2013/2014
1º lugar "Oscar dos Blogs Brasileiros" na categoria Viagem e Turismo Profissional, pelo voto popular.

..:: Últimos Posts ::..

..:: O nós é feito de eus ::..

..:: Feito com Muito Carinho ::..

..:: Feito com Muito Carinho ::..